Salário Mínimo 2020 – Previsão

Salário Mínimo 2020 – Previsão





O valor do salário mínimo em 2020 recebeu uma votação secreta no final de dezembro de 2018 para que fosse utilizada apenas a cobertura da inflação como base e, com isso, e recebeu um aumento de R$32,00.

Criado por Getúlio Vargas em 1940, o salário mínimo é, como o nome diz, um valor mínimo que as empresas devem pagar para os seus funcionários. Aproximadamente 50 milhões de brasileiros tem o valor do piso salarial como referência. O valor é reajustado a cada ano para impedir que o trabalhador assalariado fique com seus vencimentos obsoletos. Além do salário dos empregados, este valor também é vinculado ao piso previdenciário e o valor pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) também é atualizado ano a ano.

O critério usado anteriormente para calcular o aumento do salário mínimo era a inflação do ano anterior somada ao crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores. No entanto, o valor do salário mínimo em 2020 recebeu uma votação secreta no final de dezembro de 2018 para que fosse utilizada apenas a cobertura da inflação como base e, com isso, e recebeu um aumento de R$32,00. Na prática, porém, o poder de compra do consumidor não ficará maior do que foi no início desse ano. A boa notícia é que, até agora, a proposta orçamentária não previu aumento nos impostos.




Outro fator que deve ser levado em consideração na hora de calcular o salário mínimo em 2020 é o fato de que há dois tipos de salários:

  • Salário Bruto: O salário bruto é aquele presente na carteira de trabalho, colocado no momento da assinatura do contrato. Infelizmente, não é esse valor, somado aos benefícios, que recebemos. Pelo contrário, os benefícios são retirados do salário bruto.
  • Salário Líquido: O salário líquido é o que o trabalhador recebe no início de cada mês. A diferença entre eles é muito simples: do salário bruto são descontados valores obrigatórios como a contribuição para o INSS (cerca de 8%) e o Imposto de Renda. O valor dos descontos obrigatórios aumentará conforme o valor do salário bruto. Além desses descontos, há também aqueles que são relacionados às faltas e aos atrasos. Este valor também depende de outros descontos e tributos que variam de contrato para contrato, como Assistência Médica e/ou Odontológica, Vale-transporte (até 6%), Vale-alimentação e/ou refeição (até 20%) e Contribuição Sindical.

Dizemos que o consumidor não terá um poder de compra maior com o salário mínimo em 2020 justamente porque o tipo de salário que aumenta é o salário bruto, ou seja, ainda serão feitos os devidos descontos. O que serve de consolo é que este valor, pelo menos, não diminuiu.


Salário mínimo regional

O governo de alguns estados, especialmente do Sudeste e do Sul, preferem optar por um valor diferente do salário mínimo estipulado pelo governo do país. Este valor nunca pode ser menor, mas no caso do Paraná, esse valor está bem acima do valor que o resto do país irá receber. Confira os números:

  • Paraná: R$1.247,40;
  • Rio Grande do Sul: R$1.175,15;
  • Rio de Janeiro: R$1.193,36;
  • Santa Catarina: R$1.110,00;
  • São Paulo: R$1.108,38.

Palavras finais:

É claro que o valor do salário mínimo está muito distante do que o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) calcula como sendo o valor ideal, afinal de contas o salário mínimo em 2020 já é dito como o que teve um dos menores aumentos desde que o salário mínimo foi criado. Levando em conta despesas como alimentação, educação, higiene, lazer, moradia, previdência e vestuário, o DIEESE estipula um valor ideal de R$3.736,26 (valor calculado para o ano de 2016). Mas espera-se que, algum dia, o brasileiro receba um salário que verdadeiramente lhe dê poder de compra e, assim, melhore a sua qualidade de vida.

Por Jéssica Lima Cochete

Dinheiro

Compartilhar:


Post Relacionado

Previsão do Valor do Salário Mínimo 2020

Previsão do Valor do Salário Mínimo 2020

Valor do Salário Mínimo pode passar de R$1 mil pela primeira vez. O projeto da Lei Orçamentária para o ano de 2020 foi aprovado na quarta-feira, 7 de agosto de 2019. O projeto foi aprovado com atraso, mas já está a caminho do Plenário. O…

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *